New York Fashion Week. Foi assim que nasceu uma das principais capitais da moda

Entre 8 e 16 de fevereiro dezenas de estilistas vão apresentar as tendências para a próxima estação durante a Semana de Moda de Nova Iorque. Conheça a história do evento que todos os anos atrai mais de 200 mil pessoas àquela que é considerada uma das capitais da moda.
  1. Duas vezes por ano a Semana de Moda de Nova Iorque atrai milhares de pessoas até à Big Apple: uma em fevereiro onde são apresentadas as tendências para o outono/inverno do mesmo ano e outra em setembro onde são apresentadas as propostas para a primavera/verão do ano seguinte.
  2. O primeiro desfile de moda a ser realizado na cidade teve lugar em 1903. De acordo com o jornal New York Post, a loja de departamento Ehrich Brothers, na Sexta Avenida, foi o local escolhido para o evento.
  3. Com o passar dos anos as lojas de departamento começaram a organizar pequenos desfiles e festas como forma de mostrarem aos clientes as novas tendências de moda.
  4. Em 1943 – em pleno cenário de guerra e sem acesso às criações dos costureiros franceses – a publicist Eleanor Lambert teve a ideia de promover o talento nacional através da Press Week: um evento de moda onde algumas dezenas de costureiros americanos mostravam as suas criações à imprensa.
  5. Em 1945 foi lançado o primeiro Fashion Calendar que, tal como o próprio nome diz, engloba todos os desfiles que têm lugar durante a Semana de Moda de Nova Iorque.
  6. Durante a década de 1970 o ready-to-wear foi-se sobrepondo à haute couture e durante os anos 1990 os estilistas foram mostrando as suas coleções em desfiles que organizavam em hotéis, estúdios e outros locais espalhados pela cidade e que nem sempre tinham boas condições.
  7. Segundo o site Fashion Week Online, nos anos 1990 os eventos de moda que decorriam em diversas zonas de Nova Iorque eram coloquialmente conhecidos como 'New York Fashion Week'.
  8. Em 1992, Fern Mallis, ex-diretor executivo do Council of Fashion Designers of America (CFDA), decidiu juntar todos os desfiles num só local e, em dezembro de 1993, nasceu o “7th on Sith”: um evento percursor da Semana da Moda como a conhecemos atualmente realizado no Bryant Park sob grandes tendas brancas.
  9. Donna Karan, Calvin Klein, Gianni Versace e Prada foram dos primeiros estilistas a apresentarem as suas criações na Semana de Moda de Nova Iorque que, com o passar dos anos, atraiu cada vez mais designers. De acordo com o jornal New York Post, só no ano 2000 chegaram a realizar-se 300 desfiles.
  10. Ao longo dos anos a Semana da Moda já se realizou em dois lugares distintos: no Bryant Park (1993-2010) e no Lincoln Center (2010-2015). Tal como refere a Vogue, a mudança para o Lincoln Center não foi vista com bons olhos por diversos estilistas que optaram por apresentar as suas coleções noutras semanas da moda europeias, como é o caso de Alexander Wang, Tommy Hilfiger, Proenza Schouler, Rodarte e Altuzarra.
  11. Desde designers a lojas físicas, a indústria da moda emprega 1,8 milhões de pessoas nos Estados Unidos, revelam dados da National Association of State Boards of Accountancy (NASBA).
  12. Todos os anos 200 mil pessoas viajam até à Big Apple para assistirem aos desfiles.
  13. Atualmente a Semana da Moda voltou às origens uma vez que se realiza em diversos locais espalhados pela cidade.
  14. A tão desejada front row acomoda 130 pessoas e muitas das celebridades que vemos nos diversos desfiles são pagas para irem ao evento.
  15. De acordo com a Vogue, com o passar dos anos muitos estilistas adotaram o see-now-buy-now: um conceito de negócios que dá aos espectadores e consumidores a possibilidade de comprarem de imediato as peças que viram na passerelle.